De amar a vida – Onévio Zabot

As Melhores Frases de Caio Fernando Abreu

De amar a vida

levei flores de madrugada,

entre pontes de estrelas.

 

Sulquei a terra em cio

com arados forjados

nas ondas do mar.

 

Mergulhei aos beijos

no estuário de teus seios,

estação dos ventos curvos.

 

Amor extremo de perdição,

que procura navios

em portos orientais,

 

que persegue os poetas,

inventa a vida,

dedilhando acordes de rubro metal.

 

Que seja assim a vida:

um barco navegando

por nossos dias de amor extremado.

 

Onévio Zabot

In Arco de Pedra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s